terceira margem com exercício da violência

A Companhia das Ilhas lança este mês de Março uma nova colecção de livros. Denomina-se terceira margem e terá o ensaio como género preferencial. Inaugura-se com a obra O Exercício da Violência. A Arte enquanto Tempo, de Helder Gomes Cancela, professor de estética na Universidade do Porto.

O livro será apresentado pelo crítico e professor Osvaldo Silvestre no próximo dia 20, pelas 19 horas, na Livraria e Antiquário Miguel de Carvalho, em Coimbra, numa sessão integrada no festival de poesia Mal Dito (de que faz parte também uma feira do livro de poesia em que a Companhia das Ilhas participa).

No Porto, a apresentação estará a cargo do poeta e ensaísta Bernardo Pinto de Almeida e terá lugar dia 26, pelas 18 horas, no Forum FNAC de Santa Catarina.

Capa Helder Cancela_REV4O Exercício da Violência. A Arte enquanto Tempo

Por que é que algumas obras de arte se revelam capazes de sobreviver à violência da história, da diferença cultural e da diversidade subjetiva?

Por que é que algumas obras são capazes de suportar melhor do que outras o desfasamento inevitável entre aquilo que o autor diz e representa e aquilo que os espectadores e leitores vêem ou lêem?

Partindo da constatação de que algumas obras demonstram, de facto, uma particular capacidade para se projectarem para além do tempo e do espaço em que foram produzidas, este conjunto de micro-ensaios interroga-se acerca da natureza das obras e experiência estéticas.

O Exercício da Violência: A Arte enquanto Tempo é um ensaio constituído por múltiplos micro-ensaios que procuram pensar a arte e a literatura a partir das relações de recepção.

Helder Gomes Cancela

Nasceu em 1967. É docente da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto, onde lecciona Estética e Crítica de Arte. É investigador no i2ADS, Instituto de Investigação em Arte Design e Sociedade. Possui um doutoramento em Filosofia Contemporânea pela Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra, a mesma instituição onde se licenciou e concluiu um mestrado, ambos em Filosofia.

Publicou Relativismo Axiológico e Arte Contemporânea: Critérios de Recepção Crítica das Obras de Arte (ensaio, 2004), Anunciação (romance, 1999), Novembro (poesia, 2003), De Re Rustica (romance, 2011), todos nas Edições Afrontamento.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s